sábado, 19 de julho de 2014

cromices #22





A pessoa mais optimista do mundo foi, de certeza, aquela que achou que pisar merda lhe traria boa sorte.


Eu sou aquela que anda a ziguezaguear pelos passeios, a contornar os imensos montinhos de boa sorte que para aí andam. É que no final de contas, até sou feliz e grata, e deve haver quem precise mais de bons augúrios.