domingo, 17 de janeiro de 2016

coisas que gosto: Ode aos Domingos de Inverno.



Se há altura em que se torna especialmente convidativo ficar por casa é num Domingo invernoso.
Para muitos, só quando o clima se torna menos simpático é que estar entre quadro paredes ganha uma dimensão de refúgio, se torna acolhedor e desejado, ao invés de ser um castigo.

Eu, que sou caseira e retiro um especial prazer dos dias passados na tranquilidade do lar, sinto que esta é a única altura em os ponteiros do mundo abrandam o suficiente para se alinharem com o meu relógio. É como um eclipse. Algo que não acontece todos os dias.

E são dias com sabor a chocolate quente, macios e quentes como os pijamas, casaquinhos e mantas, que cheiram a chá de menta, incenso, a bolo de maçã com canela.

Que todos os Domingos se movam a este ritmo, Inverno ou não!